TRANSLATE THIS SITE

Pessoas que me motivam

29 de jun de 2011

VIGILANTES DO PESO NO PROGRAMA "BEM ESTAR", da Rede Globo

Muito legal MESMO! Os Vigilantes do Peso me ajudaram a ter uma vida mais saudável e me sentir confortável dentro do meu corpo de forma definitiva e equilibrada! Adeus 26kg de gordura!!!!
1ª PARTE:  http://g1.globo.com/videos/bem-estar/v/dietas-desequilibradas-podem-prejudicar-a-saude/1549567/

2ª PARTE: http://g1.globo.com/videos/bem-estar/v/desvende-mitos-e-verdades-sobre-as-dietas/1549571/

3ª PARTE: http://g1.globo.com/videos/bem-estar/v/nutricionista-responde-perguntas-sobre-dietas-malucas/1549590/

22 de jun de 2011

SELINHO e AVALIAÇÃO DA MINHA ALIMENTAÇÃO

OLÁ, GALERA LIGHT!

Depois da minha última postagem (amei os comentários!!!!), voltei a anotar e constatei alguns costumes antigos que não podem voltar, como:

1) Comer mais gordura que o necessário (2 porções/dia);
2) Comer alimentos ponto zero demais, pq eles tb têm calorias (máximo permitido: 5/dia);
3) Comer mais quadradinhos de chocolate que o permitido (sensatez!!!!)

Ainda não me pesei e acho que não haverá alteração nos ponteiros nessa semana, porque estou bem mal de resfriado, laringite e faringite. Não é gripe porque tomei a vacina, mas estou me sentindo bem "caída". Estou afônica e indisposta, então não fui à academia. Estou em casa me recuperando, o médico me deu 3 dias de licença. Estou garagrejando com própolis, tomando anti-inflamatório a cada 8h e me cuidando.

Sabem o que estou pensando? Eu fiquei 2 anos fazendo RA e não tive nada, nem coriza (não me lembro). Foi só sair um pouquinho da alimentação "calculada", ou seja, planejada, variada, equilibrada, e a minha resistência ficou fragilizada. Ao contrário do que minha avó dizia, "gordura não é saúde!"

Hoje também estou passando para cumprir as regras do selinho que ganhei daRenata Carvalho
Vamos as regras do selinho:
* responder 1 pergunta e indicar para 13 colegas.

1) Contar o que ajudou a dar certo na RA: 

Foi uma série de fatores, agindo em conjunto:
  • A minha determinação, 
  • a ajuda do meu marido e da minha filha em casa, 
  • a ajuda da galera dos Vigilantes do Peso,
  • a orientação do programa dos VP, 
  • a força da galera da blogosfera light,
  • eu ter feito o que os VP me disseram para fazer, 
  • a minha professora da academia que me motivou o tempo todo, me tirava medidas, variou o treino e me deixou sarada. 

Foi como uma receita de bolo: se faltasse algum dos ingrdientes, o bolo não iria sair gostoso do forno.

2) Indicar 13 blog diferentes:
  1. Lú: http://tudoquemaisqueroe.blogspot.com/
  2. Dricc@: http://quarentacomsessenta.blogspot.com/
  3. Leila: http://augusta-emagrecendo.blogspot.com/
  4. Bruxa: http://umcaminhodiferente.blogspot.com/
  5. Anne: http://coisasdapedrita.blogspot.com/
  6. Claudia: http://doquesaofeitosossonhos.blogspot.com/
  7. Anna: http://anna-mydreamspace.blogspot.com/
  8. Vivi: http://vivificarmagra.blogspot.com/
  9. Nina: http://historiadenina.blogspot.com/
  10. Belíssima: http://dietabelissimasempre.blogspot.com/
  11. Aninha: http://considerasobreeducacao.blogspot.com/
  12. Nando: http://nandoneri.blogspot.com/
  13. Gaúcha tri legal: http://umagauchatrilegalnosstates.blogspot.com/
  14. Nara: http://narahobby.blogspot.com/
  15. Aline: http://nine-ano1.blogspot.com/
  16. Mey: http://romeyka.blogspot.com/ 

18 de jun de 2011

REFLEXÕES SOBRE A MANUTENÇÃO

Olá, galera light!

Voltei após um período meio longo, mas estava com saudades de vocês. Tenho visitado algumas rapidinho e lido os comentários que vocês me deixam, mas não tenho tido tempo de blogar, nem comentar. Estou gerenciando um blog para a escola onde trabalho, além de ter muito trabalho profissional e de casa para dar conta. 

Enfim, estou com 60 kg, ou seja, 1 Kg abaixo da meta, mas 1,8Kg acima do meu melhor peso. Eu sabia que isso iria acontecer, porque já passei por isso em 1996, mas não gostei nada de ter ganhado esse pesinho. Tenho me alimentado bem, mas a cabeça da gente ADORA voltar para hábitos "confortáveis", ou seja, comer mais "errado".

Eu tenho observado o que ocorre na minha mente quando estou na meta. 

Primeiro de tudo, deu muito medo de engordar, então fiquei meio neurótica, continuava anotando o que comia, media as porções, a quantidade de carboidratos, proteína, verduras/legumes, frutas, gordura, laticínios e supérfluos, mas TUDO sob controle.

A segunda fase foi "deixar de anotar". Essa parte é muito fácil de largar porque anotar dá trabalho, requer cálculo, controle e atenção. Só que a gente para de ter esse controle, mas não engorda, então "está tudo bem". Eu até comia mais carboidrato, deixei de comer a quantidade certa de frutas, ou de verdura/legumes, mas como nada de "ruim" aconteceu, fui “levando na bôa”.

A terceira fase foi a da introdução de coisas nem tão saudáveis no dia-a-dia. Eu acredito e prego que não podemos abandonar os alimentos que gostamos, mas que engordam, mas sei que podemos comê-los moderadamente uma vez por semana, ou até mais espaçado, mas não abandoná-los. Até aí tudo bem, né? Mas... de repente, a gente se pega comendo esses itens dia sim, dia não. Ou até mais frequentemente do que o recomendado. A balança aponta 500g a mais, mas a gente se sente segura, porque está baixo da meta e se diz: "Dá pra controlar!"
Depois disso, começam a acontecer os deslizes com maior frequência. Um dia tem festa, no outro tem restaurante, dois dias depois tem comemoração disso, no outro daquilo, no dia seguinte a gente sai com as amigas e come, bebe, e pensa que é normal. Aí a balança nos mostra que mais 500g foram adicionados ao nosso peso.
Ah! Ao mesmo tempo em que esses deslizes começam a se tornar rotina, todo mundo diz que você está ótima, linda, magrela, então pra quê se preocupar?

Preciso esmiuçar mais? Quem me acompanha desde o início sabe que eu me refiro ao chip de gorda” que não foi transplantado do meu cérebro. Infelizmente, viu?! Ainda estou em busca do cirurgião que me faça esse transplante. :-0

Brincadeiras à parte, vou levantar tudo o que continuo a fazer direitinho:

·        Preparo minha comida de forma saudável e equilibro as refeições;
·        Mantenho o tamanho das porções sob controle;
·        Continuo a fazer atividade física (musculação) de 3 a 5 vezes/semana;
·        Continuo a beber MUITA água (uns 4-5 litros/dia);
·        Praticamente não bebo mais refrigerante, nem light (perdi o gosto por eles);
·        Como verduras e/ou legumes no almoço e jantar;
·        Continuo a freqüentar as reuniões dos Vigilantes do Peso, onde tenho o apoio do qual necessito.

Agora vamos ao que tenho feito “quase certo” e preciso voltar aos hábitos saudáveis:

·   Como frutas, mas tenho comido mais quantidade e menos variedade. Vou providenciar a variedade.
·         Também preciso variar mais os legumes.
·    Preciso voltar a ANOTAR tudo o que como, pontuar tudo e contar os pontos semanais (inclusive os 35 flex que tenho direito) è isso é o BÁSICO, é o ALICERCE da vida correta em Educação Alimentar, em minha opinião.
·    Controlar a ansiedade e sentir de forma mais equilibrada os diversos tipos de emoções que a vida me proporciona sem vincular esses sentimentos diretamente à minha alimentação. Ou seja, não atacar o chocolate porque estou ansiosa demais, ou feliz demais, nem desesperada demais. O que me ajuda a estar mais em contato com esses sentimentos e a controlar esses processos é o BLOG. Quando escrevo aqui, eu entro em contato com minhas emoções, escrevo e, ao escrever, organizo tudo o que estou sentindo, fico no controle da “boca nervosa” e da “mão autônoma” (aquela que pega o que tiver ao alcance e enfia na boca sem pensar).

Acabei de ter um “feeling” de “déjà vu” ao reler essa postagem. Parece que eu já escrevi tudo isso antes. Bom, se não escrevi, agora estou escrevendo. Se já falei sobre isso antes e estou repetindo agora, é porque preciso escrever, sentir, me analisar, APRENDER e ASSIMILAR tudo isso quantas vezes forem necessárias. 

O atleta não tem que treinar, treinar e treinar sempre, mesmo após receber medalhas de ouro em todas as competições internacionais? Pois então, se eu quero continuar usando tamanho 38 (nada ficou apertado ainda!!!), me sentir saudável, bela, com energia e disposição. Então, mãos à obra, eu sei o que é necessário fazer e “bóra” treinar, treinar e treinar!!!

Agora o momento “foto legal”! Eu tenho uma prima que tem mais de 30 anos e aparenta 20! Ela sempre foi magrinha e saudável (usa 34/36), é linda, mas ela é assim porque ela controla o que come, apesar de não fazer atividade física como deveria e dizer por aí que “come tudo o que quer e não engorda”. Não é bem assim, não. Quando ela sente o zíper da calça jeans apertar, ela controla a boca e logo volta a ficar do jeito que é. Antes, em todas as fotos que tirávamos, eu ficava longe dela para não ter muito contraste, sabe? Bom, dessa vez tiramos um monte de fotos juntas, grudadas e eu “estou normal” ao lado dela. Não houve o contraste visual “gorda X magra” que acontecia antes. Agora, qualquer foto que nós tirarmos juntas fica harmoniosa, bonita, feliz! Mais um momento “mastercard” – Não tem preço!



Detalhe charmoso da pantufa!!!!!!

E viva o jeans 38!!!!!!

Ótimo fim-de-semana a todos e obrigada pelo carinho!!!
 

MANUTENÇÃO DO PESO

META ATINGIDA EM 70 SEMANAS (25/02/2011, MEU NÍVER DE 48 ANOS) = 343G/SEMANA

POSTS MAIS POPULARES